Duda PDF Imprimir E-mail

Caríssimos amigos da adoção,

 

A Associação Nacional dos Grupos de Apoio à Adoção (ANGAAD), tendo em vista a grande comoção

causada pela repercussão da disputa judicial em que está envolvida a menina Duda, de Contagem

(MG), trazendo temor e insegurança a muitas famílias adotivas e pretendentes à adoção, colocando em

risco o instituto da adoção, vem a público apresentar sua MANIFESTAÇÃO E POSICIONAMENTO 

sobre a devolução de crianças em guarda provisória regularmente concedida por longo período a famílias

adotantes, tendo por base os PRINCÍPIOS DA PRIORIDADE ABSOLUTA E DA PROTEÇÃO

EXCLUSIVA DOS DIREITOS E INTERESSES INFANTO-JUVENIS, previstos na Constituição

Federal e no ordenamento jurídico pátrio.

 A ANGAAD ratifica, ainda, sua posição de defesa da adoção legal, segura e para sempre.

 Solicitamos a todos os Grupos de Apoio à Adoção, famílias adotivas, pretendentes à adoção e

pessoas que lutam pela garantia ao direito à família para todas as crianças e adolescentes, que 

nos auxiliem na divulgação do presente Manifesto para toda a sociedade em todas as regiões brasileiras.

 Em nome de milhares de crianças e adolescentes que aguardam a oportunidade de usufruírem o

direito de vivenciarem a condição de filhos novamente, de fato e de direito, agradecemos a contribuição de todos.

 

Abraços afetivos!

 

 

Suzana Sofia Moeller Schettini

Presidente da ANGAAD

Este endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo.